A Luta pela Paz iniciou suas atividades no Complexo da Maré, Rio de Janeiro, como uma resposta direta ao crime e à violência juvenil relacionada às drogas.

A Organização trabalha com a metodologia dos Cinco Pilares em sua sede, na favela Nova Holanda. A Luta pela Paz do Rio também treina outras organizações brasileiras com a metodologia dos Cinco Pilares através do projeto Rede Brasil – Programa de Treinamento Nacional.


Número de jovens atendidos durante os anos e outros resultados:

 

 

StatsRioPage

 

 

 

 

A Luta pela Paz apoia jovens do Complexo da Maré através da Academia e de dois polos.

Serviços multidisciplinares de apoio são oferecidos através de atendimentos de mentores, assistentes sociais, psicólogos e advogados.

A Luta pela Paz oferece serviços de acesso ao mercado de trabalho através do pilar Empregabilidade.

O COMPLEXO DA MARÉ

O Complexo da Maré é um dos maiores complexos de favelas do Rio de Janeiro e é composto por 17 comunidades e cerca de 132 mil habitantes. Os jovens que crescem na Maré enfrentam altos níveis de pobreza, limitação de serviços públicos, exclusão social e econômica e violações dos direitos humanos. A Maré sofreu décadas com a violência relacionada ao comércio de drogas, devido a presença de três facções do tráfico da cidade e um grupo de milícia armada. Entre 2014 e 2015 mais de 2.500 militares da Força de Ocupação ocuparam a Maré. A comunidade passa atualmente pelo processo de pacificação que antecede a implantação da Unidade de Polícia Pacificadora.

 

Conheça o Conselho Jovem da Academia do Rio