Programa de mentoria da Luta pela Paz é celebrado em comemoração especial de encerramento

O programa de mentoria da Luta pela Paz, realizado em parceria com a State Street, terminou esta semana e teve uma cerimômia de graduação em grande estilo no Canary Wharf em Londres.

O programa de seis meses para jovens da Luta pela Paz de Londres promoveu uma série de encontros entre elas e eles e diversos profissionais da empresa State Street, parceira da Luta pela Paz. Estes encontros buscaram apoiar o desenvolvimento pessoal e profissional das alunas e alunos da Luta pela Paz. Ao relacionar as suas experiências com as experiências de outras profissionais de diversas áreas de expertise, puderam entender melhor sobre diversas áreas de conhecimento e desenvolver novos interesses.
Mentoring_text_27.07.2018
Ao todo, cinco jovens concluíram o programa, cada uma destas desenvolvendo novas habilidades e adquirindo conhecimentos em áreas relacionadas a comunicação – desenvolvendo confiança em se apresentar em público – planejamento de suas carreiras e planejamento estratégico.

Um planejamento estratégico de marketing para mídias sociais desenvolvido por uma das participantes, com mentoria de seu tutor,  resultou em uma clara e grande apresentação para a marca de um de seus parentes. Pudemos ver a jovem idealizadora do planejamento ganhar o cargo de SEO da empresa depois disso.
Mentoring_text2_27.07.2018“Eu acho que o programa de mentoria é realmente muito bom, incrível mesmo. Principalmente pra galera que não sabe muito bem o que quer da vida.. Que não sabe o que esperar do futuro.”, nos contou outra das jovens que participaram da mentoria da Luta pela Paz. “Ajuda a gente a planejar nossos objetivos e depois nos ensinam quais as etapas necessárias pra que a gente consiga alcançar tudo aquilo que a gente quer.”

 Outro jovem participante do programa de mentoria nos disse que depois de desenvolver sua auto-confiança, sentiu o impacto das mudanças em desafiar sua própria perspectiva das coisas. “Meu mentor era realmente incrível! Além de muito bom naquilo que ele se propunha a fazer, vejo que ele se transformou em um amigo mesmo. Além disso, ele é um bom líder com quem eu pude aprender uma infinidade de coisas novas. Mas, principalmente, a não desistir nunca. Me mostrou que sempre haverão novas oportunidades lá fora, mesmo que elas sejam muito diferentes do que se esperava inicialmente”.