Investindo nos Atletas da Paz

22/09/2016 – A Luta pela Paz fez uma parceria com o Instituto de Nutrição Josué de Castro da UFRJ (INJC) visando melhorar a performance dos atletas nas competições. São 250 atletas de alta performance moradores da Maré, que muitas vezes não podem contar com as estruturas públicas de saúde e, em sua maioria, possuem uma renda familiar extremamente baixa.  Em geral, o acesso a informações sobre nutrição esportiva é bem restrita.

Com essa parceria, o Instituto de Nutrição e a UFRJ também proporcionam aos seus estudantes de nutrição praticar seus conhecimentos dando palestras, dicas, ou mesmo coletando dados para fins de pesquisa em projetos de extensão que vão ao encontro dos anseios da sociedade.

“Os alunos da Luta pela Paz não possuem uma dieta elaborada, equilibrada e voltada para o esporte. Não sabem como devem se alimentar antes, durante e depois dos treinos e isso influencia diretamente no seu rendimento” explica Luciana Neder, coordenadora esportiva da Luta pela Paz.

Os atletas têm ido ao INJC para fazerem uma avaliação física completa. Baseado nesta avaliação, os atletas recebem uma dieta voltada para o desenvolvimento em sua modalidade esportiva.

Os atletas da Luta pela Paz também estão tendo a oportunidade de fazer o curso  RAS, que tem sido aplicado e está dando resultados muito satisfatórios em mais de 160 países. Ele acontece gratuitamente em comunidades, locais vitimados por algum grande impacto como tsunamis, guerras, prisões, em outras situações muito adversas, e também para atletas, que precisam controlar suas emoções nas lutas, enfrentar ansiedades, medos e inseguranças, melhorando assim o seu desempenho como um todo.

Este curso também trabalha com meditação e técnicas respiratórias que atuam na redução do stress.

Ao proporcionar atividades que contribuem para o bem-estar do atleta, conseguimos transformá-los não só como atleta, mas como cidadão, tornando-o uma pessoa melhor no seu dia-a–dia, para si e para o convívio em sociedade.