Lutador de judô da Luta pela Paz se torna campeão nacional pela segunda vez

22/02/2018 – Mohez Khan, atleta de judô da Luta pela Paz, conquistou o título de campeão nacional do Reino Unido, após ter ganhado a medalha de ouro no campeonato British Universities and Colleges Sport (BUCS) na categoria masculina até 66KG. Mohez, que já havia ganhado um título em Levantamento Olímpico no Reino Unido em 2017, se tornou duas vezes campeão nacional.

O jovem de 20 anos, que além de ser atleta da Luta pela Paz, estuda Ciência do Esporte na Universidade Middlesex, conseguiu o ouro apesar de ter perdido a primeira luta do dia. A calma e o apoio de seu treinador Darren Hawney fizeram Mohez chegar às eliminatórias da competição invicto e assumir a primeira posição no pódio.

A Luta pela Paz visa desenvolver os jovens para que se tornem campeões no esporte e na vida. Mohez agora faz parte desse grupo, que inspiram e motivam nossos membros e funcionários e atuam como exemplos positivos em nossas Academias do Rio de Janeiro e de Londres. Desde a fundação da organização em 2000, a Luta pela Paz tem desenvolvido campeões nacionais no boxe, no judô, na de luta livre e conta com campeões mundiais de muay thai entre seus membros.

O mantra dos esportes de combate de que, assim como na vida, você “colhe o que você planta” se aplica a Mohez. Ele atribui a vitória ao treino pesado ao qual se dedicou com seus colegas de equipe no tatame da Luta pela Paz, bem como a determinação de voltar mais forte de uma derrota recente: “Eu treinei tanto para conseguir isso, então, quando eu consegui, eu não conseguia acreditar. Eu pensava o quê? Eu sou o campeão? Certas coisas não aconteceram como eu queria, pois eu perdi a minha primeira luta. Mas depois eu disse ao meu treinador Darren que eu não iria perder novamente e não perdi”.

“Esta foi a maior competição da qual Mo participou, mas isso não o desestabilizou. Ele mostrou ter bastante resiliência quando, após perder sua primeira luta, ter se recuperado tão rápido”, disse Darren Hawney, treinador de judô da Luta pela Paz. “Depois de conversar sobre sua primeira luta, Mo disse ‘É isso, eu não vou perder de novo hoje’, e ele foi fiel à sua palavra. Ele tem uma boa rotina de treinamento, é o primeiro a chegar e o último a sair. É um excelente exemplo para os atletas mais jovens e um ganho para a Luta pela Paz”, complementa o treinador.

Modesto e humilde, Mohez credita sua vitória ao apoio que recebe de seus companheiros de equipe e especialmente do seu treinador: “Eu não seria capaz de conseguir sem meus colegas de equipe e meu treinador. Darren não vai admitir, mas ele desempenhou um papel importante, pois ele saía do seu caminho para vir de manhã nos treinar para que pudéssemos ter horas extras de treino e nos ajudar a melhorar – eu não sou capaz de expressar o quanto ele foi importante”.